Nova Iorque no Inverno

E desta vez temos dicas de Nova Iorque.

Para quem está a pensar ir aconselho a passarem pelo site da TimeOut Nova Iorque, e está dica vale sempre que forem para uma grande cidade. Depois sigam-nos no Facebook e 15 dias antes comecem a ver o que partilham, há sempre festas, mercados,… E foi assim que também descobrimos alguns sítios muito giros.

Ficamos a dormir em Brooklyn e sentimo-nos uns verdadeiros New Yorkers, não pagamos mais de 50€ por noite, tínhamos várias linhas de metro a 5 minutos. Podemos deixar a Duna descansada durante o dia e lá íamos nós.

Como sempre começamos pela B&H – mega loja de fotografia! Fomos comprar uma mochila para todo o material na viagem, agora somos backpackers. E de lá começamos as nossas caminhadas, foram perto de 18km por dia.

Tinha começado a época de Natal, chegamos na noite da Black Friday e por isso perdemo-nos nos mercados e mesmo nas lojas mais turísticas como a dos M&Ms, Disney, Victoria Secret,…  Ainda demos um salto para ver as montras de Natal mais bonitas pela zona de Times Square.

Fomos ao Maddison Square Garden e de la partimos para o Rockefeller Center. Paramos na famosa Magnólia Bakery mas em vez de cupcakes pedimos o pudim de Banana e estava delicioso. Vem num pote meio desfeito e vale todos os dólares que pagamos por ele.
Seguiu-se depois uma ida à Central Station que tínhamos falhado da outra vez e mesmo atrás da Estação há um espaço mais alternativo para almoçar em que todos os restaurantes tem um aspecto delicioso, vimos donuts com um ar de vou-engordar-5-kgs-só-de-olhar. Mas o nosso destino ali era a Roberta’s Pizza. É pizza ao estilo italiano com massa fina em forno de lenha e foi muito bom mesmo.

De lá ainda caminhamos até ao Upper East Side, com uma caminhada pelo Central Park e pelos Bethesda Terrace, que para os fãs de Gossip Girl como eu foi onde o Chuck e a Blair se casaram. Ela vestida de Elie Saab!!! Aproveitamos para tirar muitas fotos. Estava frio mas depois de 5 meses de calor, confesso que tínhamos um bocadinho de saudades.

Depois rumamos a Brooklyn e jantamos por lá num dinner que não merece nenhuma menção honrosa mas satisfez os nossos desejos.

No dia seguinte decidimos andar pela High Line. Caminhamos muito para aquecer, parecia que a qualquer momento ia nevar. A fome começou a apertar depois de ao pequeno-almoço já termos devorado um bagel de Brooklyn com creme cheese e um enorme muffin de banana. A minha pesquisa de bons restaurantes para comer era longa, por isso não foi difícil encontrar um por ali depois do Chelsea Market. Fomos comer um delicioso Mac and Cheese num restaurante que tem Mac and cheese de tudo! E coincidência das coincidências mesmo ao lado ficava um clube de sobremesas. Entramos e estava cheio, pedimos um lava cake com gelado e um cone feito com massa de churro mas que dentro estava carregado de gelado. Pedi o sabor red velvet e ficamos cheios até ao dia seguinte!

Com este estrago todo, no nosso último dia optamos por andar por Brooklyn, passear a Duna e ir comer ao supermercado. Acabamos por ficar mais um dia porque a Tap nos tramou um bocado e cancelou o nosso voo. Mas depois daquela noite não dava para grandes passeios.

E vocês o que é que mais gostaram de comer em Nova Iorque?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.